Semana Pedagógica prepara ECSA para mais um ano de grandes novidades

O início das aulas está próximo: dia 3 de fevereiro. Então é o momento de preparar-se para receber os alunos, algo que é tratado com muito cuidado e responsabilidade na Escola Chave do Saber (ECSA). Direção, professores e equipe administrativa estão reunidos desde a segunda-feira (20 de janeiro) na Semana Pedagógica, cujo objetivo é promover o alinhamento e o planejamento das ações para 2020 e, em especial, o primeiro semestre do ano.

Como já se tornou tradicional na ECSA, a atividade é sempre marcada por novidades, entre elas o início do Semi-Integral, a conclusão de obras de reforma e acessibilidade, adequação das dependências da escola, e ainda o Mind Maker – aulas de computação e robótica para alunos do infantil, uma vez na semana. “É um período inicial fundamental ou que fundamenta grande parte do ano letivo”, define a diretora Marcia Bezerra.

Segundo a diretora, é necessário ter um momento para falar sobre o que a escola faz, fez e pretende fazer, alinhando as pessoas em um mesmo objetivo. Uma oportunidade de deixar todos cientes e seguros de que, mesmo que dificuldades aconteçam ou apareçam no decorrer do trabalho, existe um grupo por trás para fortalecer, para ajudar, para estender a mão e para reorganizar as tarefas. “Porque isso traz a força necessária para a execução de projetos, de estratégias, ou de práticas que precisam ser revistas, mudadas de tempos em tempos”, frisa.

Atuando na escola desde 2007, a professora Márcia Adriana Mesquita Santos, do 3º ano do Fund. I, reforça a importância da Semana Pedagógica. “É o momento de compartilhar nossas ideias e as nossas metas para o ano que está vindo”, define. Mas em se tratando da ECSA um ano nunca é igual ao anterior, lembra ela. “A cada ano que nós entramos encontramos algo novo, que deixa a escola mais bonita, mais leve e isso encanta todo mundo. A ECSA pensa em cada detalhe, é diferenciada, pensa em cada criança, cada aluno. Então esse carinho, essa atenção, a identificação das particularidades de cada criança, é o diferencial que a ECSA tem, que é muito bom”, salienta.

Ainda mais antigo na ECSA – em 2020 faz 26 anos de casa -, o inspetor-chefe Claudio Alves da Silva afirma que a qualidade no ensino da instituição está intimamente ligada com esse planejamento. “Quando a direção traz esse planejamento, essas reuniões, ela nos chama a atenção para abraçar essa causa. Para que, assim, a gente possa apresentar um trabalho, um desempenho adequado com a qualidade da escola”, diz. “Quando falamos dessa dedicação, dessa qualidade, estamos falando de um todo. Pedagógico, operacional, administrativo, todos alinhados”, observou.

 

Pau e Prosa Comunicação

Fotos: Helder Faria